eTecnologia

A porta para o futuro

Boas Práticas para Escrita de Regras de Negócio

Para ser bom Analista de Negócio, é necessário conhecer o negócio, este é primeiro mandamento (Veja os 10 Mandamentos do Analista de Negócio)
Análise de Regra de Negócio é um técnica que o Analista de Negócio deve dominar, pois, ela ajuda a conquistar o conhecimento do negócio.


Procurando fazer uma abordagem mais prática e menos teórica, como apresentada no Guia BABok, vamos apresentar a lista de boas práticas que devem ser utilizadas para escrever as regras de negócio:


Boas Práticas para Escrita de Regra de Negócio:

- Utilizar uma linguagem declarativa para definir as regras de negócio que permite que as mesmas sejam convertidas para uma representação lógica, o que irá ajudar na identificação de incongruências.
- A regra de negócio deve fornecer conhecimento explicito para que o negócio opere mais efetivamente.
- As regras devem ser concisas e completas (bem definidas).
- Vá além das palavras, para facilitar o entendimento de regra de negócio, use gráficos, diagramas, planilhas e outros recursos.
- As regras devem atender primariamente as necessidades negócio e requisitos legais e/ou regulatórios.
- Expressar as restrições de forma clara e objetiva.
- As regras devem ser alinhadas com os objetivos e diretrizes do negócio.
-As regras de negócio devem ser (necessariamente) simples (Utilize o KISS, um dos princípios da Lei da Simplicidade).
- Regras complexas devem ser decomposta em parte menores.
- As regras de negócio devem facilitar o entendimento do negócio.

- As regras de negócio podem ser automatizadas (sempre que possível).
- As regras devem ser flexíveis para permitir mudanças.
Evite que a descrição de regra de negócio seja vaga ou ambígua, pois, elas levam a duplo sentido da regra.

Exibições: 41

Comentar

Você precisa ser um membro de eTecnologia para adicionar comentários!

Entrar em eTecnologia

© 2021   Criado por Rildo Santos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço