eTecnologia

A porta para o futuro

Como vender Métodos Ágeis para seu “chefe”

Uma barreira a ser vencida é convencer seu "chefe" ou outras pessoas que determinada coisa é boa e que ela poderá  melhorar os resultados.

Podemos reunir muitos argumentos para fazer a venda, todavia, acreditamos que a melhor forma de vender alguma coisa, é demonstrar os resultados que podem ser alcançados com a adoção dos métodos ágeis.
Entretanto, não estamos apresentando uma “receita de bolo” e sim uma lista de coisas que podem ajudar na venda dos métodos ágeis.
Utilizaremos o Scrum, que é um Método Ágil, como exemplo.

O que "NÃO VENDER":
- Não tente vender o SCRUM (ou qualquer outra coisa) que você não acredite...para vender ou influenciar pessoas, você tem que ter comprado a ideia primeiro.
- Jamais venda aquilo que não se possa entregar.
- Não venda o SCRUM pelo SCRUM, venda os resultados que você e sua equipe poderão atingir utilizando o SCRUM.
- Não tente vender o SCRUM por puro modismo (somente por que na empresa em que seus “amigos”  trabalham  estão usando SCRUM e você não quer ficar de fora desta moda)
- Não tente vender, sem fatos, pois fica muito difícil convencer. Veja as quais empresas que já utilizam o SCRUM, obtenha dados destas empresas, por exemplo: se os clientes estão mais satisfeitos, se produtividade aumentou, se as pessoas estão mais motivadas, se os custos reduziram e se houve de fato uma diminuição no prazo de entrega dos produtos).

O que "VENDER" (aquilo que os “chefes” gostam de comprar):
 - Aumento da produtividade (sem a aumentar o número de pessoas), para muitos chefes, isto é um sonho encantado;
- Redução no prazo de entrega de produtos;
- Redução de custo;
- Busca pela excelência da qualidade, ou seja, melhorar a qualidade dos produtos  
  continuamente sem a necessidade de comprar novas ferramentas;
- Pessoas trabalhando com foco em resultado;
- Baixo investimento inicial;
 - A sensação de controle absoluto (todo chefe gostaria de saber o que seu as pessoas 
   estão fazendo a cada momento)
- Foco na entrega de valor para os clientes, consequência: clientes mais satisfeitos
- E por fim:  A "liberdade" (leia possibilidade) para mudanças nos requisitos, mesmo que o desenvolvimento  já esteja em um estágio avançado.
Boa sorte!

Exibições: 14

Comentar

Você precisa ser um membro de eTecnologia para adicionar comentários!

Entrar em eTecnologia

© 2021   Criado por Rildo Santos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço